Home > Empréstimo > Aprenda 4 dicas para se obter empréstimo de forma rápida

Aprenda 4 dicas para se obter empréstimo de forma rápida

Ir em busca daquele dinheiro extra normalmente já implica em alguma urgência pessoal, seja para pagar dívidas que já venceram  ou, em outros casos, para realizar um sonho. Mas, afinal: Como conseguir um empréstimo de forma mais simples e menos burocrática?

Através dessa matéria, vamos abordar 4 dicas de como conseguir dinheiro rápido para emergências que vão além de um mero ato de conversar com amigos ou familiares. Isso porque muitas pessoas se sentem desconfortáveis com a situação e preferem os serviços oferecidos por instituições financeiras quando o assunto é tomar grana.

1. Empréstimo que precisa de garantia

Como o próprio nome já indica, nesta modalidade, o solicitante precisa ter um bem em seu nome para oferecer ao banco como garantia do dinheiro emprestado. São aceitos imóveis, veículos e até mesmo parte do salário. Caso o consumidor não quite as parcelas, o banco utiliza o bem como abono do pagamento.

Em caso de imóveis, por exemplo, o bem fica em estado de alienação fiduciária, permitindo que o proprietário continue utilizando ele normalmente. O empréstimo com garantia é um dos que oferecem melhores condições de pagamento para o consumidor.

2. Empréstimo modalidade consignado

Utiliza o rendimento salarial de aposentados, pensionistas e servidores públicos como garantia do pagamento das prestações, visto que os valores são abatidos diretamente da folha do salário/benefício.

Por ter como garantia o rendimento, as chances de inadimplência são quase zero, o que possibilita a instituição reduzir a cobrança dos juros e oferecer melhores condições de pagamento, como prazo estendido e carência.

3. Empréstimo com antecipação do 13º salário

Assalariados, aposentados ou pensionistas do INSS podem antecipar o 13º salário em algumas modalidades de crédito oferecidas por instituições financeiras. Algumas delas, por exemplo, oferecem um adiantamento de até 80% do valor. O percentual varia entre cada banco.

Pela modalidade, as taxas de juros cobradas podem ser bem altas e pouco vantajosas. Além disso, o contratante deve ter em mente que, ao final do ano, o dinheiro do 13º já estará comprometido. Por isso, ele deve analisar com cuidado se deve ou não adiantar o abono.

4. Empréstimo pessoal

Por último, mas não menos popular, há o serviço de empréstimo pessoal, um dos mais caros da nossa lista. Apesar de não ter muita burocracia para a contratação, em contrapartida, a modalidade conta com um dos juros mais caros do mercado. Elas variam de acordo com o banco e a quantidade de parcelas a pagar.

Sem muitas exigências de renda, ele cai rapidamente na conta assim que aprovado. A opção, ideal para pessoas físicas, pode ser solicitada em caixas eletrônicos, aplicativo ou atendimento presencial no banco escolhido. Assim como nas demais alternativas, um planejamento financeiro é fundamental para evitar chances de endividamento.

Fonte: editalconcursosbrasil fotos: vix/domtotal